Denn Pires

O que significa e como ser cheio do Espírito Santo?

Por Denn Pires há 9 horas

O que significa e como ser cheio do Espírito Santo?

Ser cheio do Espírito Santo significa ter uma experiência poderosa com o Espírito Santo. A Bíblia compara os efeitos de ficar cheio do Espírito Santo com a alegria da embriaguez! Para ser cheio do Espírito Santo, basta buscar e pedir com fé.

O significado de ser cheio do Espírito Santo

A Bíblia diz que você recebe o Espírito Santo quando você se converte. O Espírito Santo tem um papel importante na salvação. Mas ser cheio do Espírito Santo é algo diferente.

Efésios 5:18-20 explica que o Espírito Santo pode lhe encher e que essa experiência é melhor que o sentimento de estar embriagado! O resultado é grande alegria, louvor e gratidão a Deus! O Espírito Santo lhe torna mais desinibido e capaz de dar glória a Deus.

No Antigo Testamento, o Espírito Santo “se apoderava” de certos homens de Deus em alguns momentos de suas vidas. Nesses momentos, eles ganhavam força e coragem para fazer a obra de Deus. Eles ficavam cheios do Espírito Santo.

No Novo Testamento, a primeira experiência que os discípulos tiveram de ficarem cheios do Espírito Santo foi no dia de Pentecoste, quando o Espírito desceu sobre eles como línguas de fogo (Atos dos Apóstolos 2:2-4). O Espírito Santo já os tinha ajudado a crer em Jesus mas nesse dia tiveram uma experiência especial, que os capacitou a começar o ministério da igreja – a evangelização.

Alguns efeitos de ficar cheio do Espírito Santo podem ser:

Grande alegria – a alegria da salvação enche o coração – Atos dos Apóstolos 13:52

Coragem – perca da vergonha e do medo de fazer a obra de Deus – Atos dos Apóstolos 4:31

Fé mais forte – mais confiança em Deus – Atos dos Apóstolos 11:24

Capacitação – receber ajuda para crescer espiritualmente, ajudar a igreja ou evangelizar; também pode envolver receber algum dom espiritual ou alguma revelação – Atos dos Apóstolos 1:8

Atenção! Nem todos que são cheios do Espírito Santo falam em línguas ou recebem algum dom “mais sobrenatural”. O Espírito distribui os dons como quer. No entanto, toda experiência de ser cheio do Espírito Santo é poderosa e importante. Uma pessoa pode ter várias experiências de ser cheia do Espírito Santo ao longo da vida.

Como ficar cheio do Espírito Santo?

Se você quer ficar cheio do Espírito Santo, peça a Deus! Ele quer lhe dar essa bênção (Lucas 11:13).

O primeiro passo para ser cheio do Espírito Santo é crer. A fé é muito importante na vida cristã. Você precisa acreditar que pode ser cheio do Espírito Santo! (E, antes disso, precisa crer que Jesus é seu salvador, que morreu por seus pecados.)

Além disso, você pode orar, pedindo a Deus para ser cheio do Espírito Santo. Deus ouve suas orações. A Bíblia também diz que algumas pessoas ficaram cheias do Espírito Santo quando os líderes da igreja impuseram as mãos sobre elas (Atos dos Apóstolos 19:6). Em todas essas coisas, há uma coisa em comum: a busca por mais de Deus.

Quando você dedica seu tempo, sua atenção e seu amor às coisas de Deus, Ele aprofunda o relacionamento com você. A dedicação a Deus resulta em experiências mais fortes e profundas com Deus. Não desanime! Continue buscando a Deus.

Amem!!!

Denn Pires

Como guardar o coração?

Por Denn Pires há 9 horas

O que significa "guarda o teu coração"?

“Guarda o teu coração” significa que você deve tomar cuidado com seus pensamentos, desejos e emoções. Tudo de bom ou de ruim que você faz começa no coração. Por isso, é muito importante cuidar do coração.

Provérbios 4:23 diz que você precisa guardar seu coração porque sua vida depende dele. Assim como sua vida física depende de ter o coração saudável, sua vida espiritual depende de seus pensamentos, desejos e emoções.

Guardar o coração não significa se isolar nem reprimir tudo que você sente. Seu coração não é uma prisão, onde ninguém pode entrar nem sair! Guardar o coração significa filtrar tudo que acontece com seu coração, escolhendo as melhores influências e atitudes, de acordo com a vontade de Deus.

“Guarda teu coração” - de quê?

Você precisa guardar seu coração de perigos de dois lugares diferentes:

Influência externa

Muitas coisas no mundo podem atacar e contaminar seu coração, deixando-o fraco e doente:

Mentiras – muitas coisas tentam lhe enganar para você nunca viver na liberdade da verdade de Jesus

Tentações – convites para pecar, que até parecem boas no início

Crueldade – quando alguém lhe machuca ou faz mal a quem você ama

Mas Deus lhe dá as armas certas para guardar seu coração dessas influências externas:

A verdade – que está escrita na Bíblia e revela toda mentira

Domínio próprio – que vem do prazer de agradar a Deus mais que ao mundo

Amor e perdão – para sarar as feridas de seu coração e lhe ajudar a reagir da forma correta

Pensamentos internos

A maior guerra que você vai travar é consigo mesmo. A Bíblia fala sobre levar seus pensamentos cativos. Isso significa avaliar seus pensamentos e desejos, para ver se estão de acordo com a verdade de Jesus. Os que não estão precisam ser corrigidos.

Ser católica ou espirita, etc não significa que seus pensamentos vão ser todos bons. Seu coração precisa aprender a se submeter a Deus. Mudar os pensamentos é uma forma de adorar a Deus.

Proteja o que é bom!

Guardar o coração é mais que se proteger de coisas ruins e dos ataque do Diabo. Também significa cuidar do que é bom. Seu coração ficará mais forte e protegido se você o encher com a palavra de Deus, gratidão e pensamentos e desejos bons Cultive o que é bom e seu coração ficará bem guardado!

Amem!!!

Denn Pires

O que é adorar em espírito e em verdade?

Por Denn Pires há 9 horas

O que é adorar em espírito e em verdade?

Adorar em espírito e em verdade é adorar a Deus de todo coração, com a ajuda do Espírito Santo. A verdadeira adoração vem do coração, não de fatores externos como o lugar, a cerimônia ou palavras repetidas. Adorar em espírito e em verdade é adorar com sinceridade e fé.

Adorar é mostrar amor, respeito e dedicação a Deus. Rituais como ir à igreja e cantar louvores ajudam a expressar essa adoração mas só têm valor quando são fruto do desejo do coração de adorar a Deus. Deus não se agrada de rituais sem sinceridade. Adorar em verdade é adorar por querer adorar a Deus, por tudo que Ele é e tudo que Ele faz.

Adorar em espírito é adoração viva. O espírito é aquilo que nos liga a Deus e nos dá vida. A verdadeira adoração vem da comunhão com Deus. Podemos ter essa comunhão através do Espírito Santo, que mora dentro de cada pessoa salva (Atos dos Apóstolos 2:38).

Por que Jesus falou sobre adorar em espírito e em verdade?

Jesus falou sobre adorar em espírito e em verdade porque uma mulher samaritana lhe tinha perguntado como se deve adorar a Deus. Os judeus e samaritanos brigavam sobre a forma correta de adorar a Deus. Os judeus adoravam no templo em Jerusalém mas os samaritanos achavam que a adoração deveria ser feita no monte que eles consideravam sagrado.

No Velho Testamento Deus tinha escolhido o templo de Jerusalém como o único lugar de adoração, para impedir que os israelitas misturassem a adoração ao Deus verdadeiro com a adoração a deuses falsos. No templo, debaixo da instrução dos sacerdotes, os judeus aprendiam sobre Deus, o adoravam e ofereciam sacrifícios. A localização era importante mas não era o mais importante. O que contava era a atitude dos adoradores.

Tanto os judeus quanto os samaritanos perderam esse foco. Muitos deles começaram a dar mais importância ao lugar e às cerimônias que ao estado do coração dos adoradores. No seu pensamento, quem cumprisse os rituais de maneira certa estava bem com Deus, mesmo se não fosse feito pelas razões certas nem com sinceridade. Adorar a Deus era apenas um ritual.

Jesus voltou a centrar a atenção naquilo mais importava: o coração. O grande mandamento é amar a Deus com tudo que somos (Mateus 22:37-38). Essa é a verdadeira adoração.

Amem!!!!!

Denn Pires

Como devemos nos santificar?

Por Denn Pires há 10 horas

Como devemos nos santificar?

Devemos nos santificar obedecendo a Deus. A santificação acontece progressivamente ao longo da vida, pela ação do Espírito Santo. Para nos santificarmos, precisamos deixar Deus trabalhar em nossas vidas.

O que significa se santificar?

Se santificar é ser transformado por Deus, para viver de maneira que O agrada. Quando alguém se converte, ele é santificado – separado do pecado para viver para Deus. Mas a santificação também é um processo de libertação do pecado com a ajuda de Deus.

A santificação só acontece pela ação de Deus. Ninguém pode se santificar sozinho. O primeiro passo para a santificação é crer em Deus e aceitar Jesus como seu salvador .

Atenção: se santificar não é seguir um conjunto de regras rígidas. A santificação acontece no interior, quando deixamos Deus trabalhar em nosso coração. Essa mudança interior depois se reflete no exterior, em nossa vida diária e na convivência com outras pessoas.

Como se santificar

Orando – peça a Deus para lhe mostrar como viver de maneira santa; orar também ajuda a desenvolver um relacionamento de intimidade com Deus

Lendo a Bíblia – a Bíblia nos ensina o que agrada a Deus e nos dá um grande exemplo para seguir: Jesus

Indo à igreja – conviver com outras pessoas é muito importante para aprender a aplicar o ensino da Bíblia de forma prática na comunidade.

Prestando atenção – que áreas de sua vida você acha que precisam de mudança? Como é que aquilo que você está aprendendo da Bíblia pode mudar sua forma de pensar e agir?

Amem!!

Denn Pires

O que é a santificação?

Por Denn Pires há 10 horas

O que é a santificação?

A santificação é a dedicação a Deus, se separando do pecado. Quando uma pessoa aceita Jesus como seu senhor e salvador, acontece a santificação. Através da santificação, a atitude e o caráter da pessoa são transformados por Deus.

Quando acontece a santificação?

A Bíblia fala da santificação como uma coisa que já aconteceu, está acontecendo e ainda vai acontecer.

Fomos santificados – no momento em que você aceita Jesus em sua vida, você é santificado. A sua vida é dedicada a Deus, não mais ao pecado. Você agora é santo. - 1 Coríntios 1:2; 1 Coríntios 6:11

Estamos sendo santificados – a santificação é também uma coisa progressiva na vida do crente, transformando o seu caráter para ser mais e mais como Jesus. Com o tempo Deus vai lidando com os diferentes problemas e pecados na nossa vida. À medida que o relacionamento com Deus se vai aprofundando, Ele vai mostrando áreas da vida que precisam ser transformados e ajuda a mudar. É um crescimento. - 2 Coríntios 3:18; 2 Coríntios 7:1

Vamos ser santificados – quando Jesus vier nos buscar, seremos completamente santificados, livres de todo o pecado e impureza. Aí teremos sido aperfeiçoados viveremos eternamente com Cristo. - 1 Tessalonicenses 5:23-24

Como posso ser santificado?

Se você aceitou Jesus como seu salvador, você já foi salvo e santificado. Para crescer em santificação, você precisa deixar Deus trabalhar em sua vida, mesmo nas áreas mais secretas e doloridas. É Deus quem santifica você, pela ação do Espírito Santo (2 Tessalonicenses 2:13). O Espírito nos ajuda a resistir à tentação e a vencer o pecado. Sem a ajuda do Espírito Santo, sua vida não vai mudar.

Se você quer ser cada vez mais santificado, você precisa estudar a Bíblia. Não é só ler, é procurar entender e aplicar à sua vida. A Bíblia é a palavra de Deus e nos santifica (João 17:17). Você precisa aprender da Bíblia. Você também precisa obedecer. Se você obedece a Deus, você coopera com Ele para a santificação; se você desobedece, você resiste contra a santificação.

Mas o mais mais importante para a santificação é a fé. Se você acredita que Jesus pode mudar sua vida e você vai entregando todas as áreas da sua vida a Ele, então Ele pode transformar sua vida. O processo de santificação permite a você viver toda a abundância de vida que Deus prometeu. Você só precisa deixar Ele agir e seguir Sua direção.

Amem!!!

Denn Pires

Por que Jesus amaldiçoou a figueira?

Por Denn Pires há 10 horas

Por que Jesus amaldiçoou a figueira?

Jesus amaldiçoou a figueira para ensinar uma lição. Jesus não amaldiçoou a figueira por capricho nem raiva; ele tinha um objetivo.

No dia depois de sua entrada triunfal em Jerusalém, Jesus estava caminhando e ficou com fome. Ele viu uma figueira com folhas e procurou por figos. Não era estação de figos, por isso não encontrou nada. Jesus amaldiçoou a figueira, para nunca mais dar fruto. No dia seguinte, a figueira estava completamente seca, desde a raiz!

Os discípulos ficaram admirados, porque a figueira tinha secado muito rapidamente. Jesus lhes explicou que, se tivessem fé, poderiam fazer coisas muito maiores que isso.Quem ora com fé verá milagres. Essa foi a lição principal da figueira amaldiçoada.

Figueira fora de estação

Não era estação de figos mas Jesus esperava encontrar figos. Algumas figueiras davam fruto cedo, antes da estação. Uma figueira com folhas crescidas já teria figos verdes. A figueira que Jesus amaldiçoou tinha folhas crescidas mas não tinha fruto. Sua aparência era enganosa, parecia madura mas não era.

Jesus também contou uma parábola sobre uma figueira infrutífera. Seu dono esperou alguns anos mas não deu fruto. Se a figueira não desse frutos esse ano, seria cortada. Jesus explicou que, tal como a figueira, precisamos dar fruto. Deus dá algum tempo, mas, mais tarde ou mais cedo, quem não se arrepende de seus pecados será castigado.

No dia antes de amaldiçoar a figueira, Jesus tinha entrado em Jerusalém, aclamado por uma multidão. O povo parecia pronto para aceitar Jesus e mudar de vida mas, menos de uma semana depois, queria a morte de Jesus! Eles eram como a figueira amaldiçoada, pareciam prontos mas não deram fruto. Sua aparência era enganosa.

Quem é salvo por Jesus dá fruto. Não continua amando o pecado e muda sua vida. Seus frutos podem ainda ser verdes e pequenos, escondidos entre as folhas, mas estão lá. Algumas pessoas podem aparentar amar Jesus mas não se arrependeram e, por isso, não deixam o pecado.

Um dia, cada pessoa será julgada por Deus e quem não mostra os frutos de uma vida transformada por Jesus será castigado. Por isso, cada pessoa precisa analisar sua vida e ver o que precisa mudar. Com a ajuda de Jesus, podemos dar muitos frutos.

Amem!!!

Denn Pires

Jesus foi tentado?

Por Denn Pires há 11 horas

Jesus foi tentado?

Sim, Jesus foi tentado. Jesus sentiu pressão para pecar mas ele sempre escolheu fazer o que é certo. A tentação de Jesus nos mostra que nós também podemos resistir à tentação.

A Bíblia diz que Jesus foi tentado e sofreu mas ele resistiu e não pecou . A tentação vem do diabo mas Jesus provou que podemos resistir, com a ajuda da Palavra de Deus.

A Bíblia nos conta três tentações que Jesus sofreu e como ele resistiu:

1. Tornar pedras em pão para comer

Jesus tinha jejuado durante 40 dias e estava com fome. O diabo sugeriu que Jesus podia transformar pedras em pão, já que era Filho de Deus. Mas Jesus respondeu que uma pessoa não vive só de pão; o mais importante é a Palavra de Deus. O diabo queria que Jesus usasse seu poder para satisfazer os desejos de seu corpo. Mas Jesus mostrou que obedecer a Deus é mais importante que satisfazer nossos próprios desejos.

2. Saltar de um edifício alto sem se machucar

O diabo levou Jesus até o ponto mais alto do templo e distorceu as Escrituras para tentar convencer Jesus a saltar. Mas Jesus respondeu que é errado pôr Deus à prova. O diabo queria que Jesus forçasse Deus a fazer um milagre, para provar seu poder. Mas Jesus mostrou que não devemos exigir milagres especiais para crer em Deus.

3. Adorar o diabo para ter poder sobre o mundo todo

O diabo ofereceu a Jesus poder sobre o mundo todo. Jesus só tinha que o adorar. Mas Jesus respondeu que só se deve adorar a Deus. A oferta do diabo era generosa: Jesus poderia governar o mundo todo como ele achasse certo. Mas para isso, ele teria de rejeitar a Deus. Jesus mostrou que nada é mais importante que ser fiel a Deus.

Jesus podia pecar?

Jesus tinha livre-arbítrio, como cada um de nós. Jesus tinha capacidade para escolher pecar ou não pecar. Como homem, ele estava sujeito às mesmas pressões externas que todos sofrem.

Se Jesus não tivesse capacidade para escolher entre o pecado e o bem, ele não seria humano. Sem livre-arbítrio, Jesus seria apenas uma máquina, sem poder. Mas Jesus era muito poderoso, ele tinha o poder para rejeitar o pecado e fazer a vontade de Deus.

Amem!!!

Aldo Pereira

O agora é "moldado" antes.

Por Aldo Pereira há 11 horas

258. Quando na erraticidade, antes de começar nova existência corporal, tem o Espírito consciência e previsão do que lhe sucederá no curso da vida terrena? Ele próprio escolhe o gênero de suas provas por que há passar e nisso consiste o seu livre arbítrio”. (O Livro dos Espíritos) Todo ser universal possui o direito de livre optar pelo que vivenciará. O livre arbítrio é concedido por Deus. “Dando ao Espírito a liberdade de escolher, Deus lhe deixa inteira responsabilidade de seus atos e das conseqüências que estes tiverem” (O Livro dos Espíritos, pergunta 258 a). Ora, se as questões da provação que o espírito vivencia são fruto de uma escolha deste, isso quer dizer que elas não são criadas por Deus e nem podem sofrer interferência de qualquer outro ser, pois se isso acontecesse o livre arbítrio do espírito teria sido anulado. Será que alguém, inclusive o próprio Senhor, pode interferir naquilo que Ele concede? Acho que não... Sendo assim, todo processo de provação é fruto exclusivo da livre opção do espírito e por isso este não pode culpar ninguém por suas possíveis falhas.

“267. Pode o Espírito proceder à escolha de suas provas enquanto encarnado? O desejo que então alimenta pode influir na escolha que venha a fazer, dependendo isso da intenção que o anime”. (O Livro dos Espíritos) A escolha do que vai ser examinado durante uma encarnação é feita exclusivamente antes da encarnação, pois, depois de encarnado, o espírito está sujeito a novas intenções e com isso suas escolhas não representariam realmente o seu ensejo de elevar-se espiritualmente. Portanto, tudo o que será examinado durante uma encarnação foi escolhido pelo ser universal antes da encarnação. Mas, o que o move nesta escolha? “Ele escolhe, de acordo com a natureza das suas faltas, as que o levem à expiação destas e progredir mais depressa”. (O Livro dos Espíritos, pergunta 264)

O que move o espírito a pedir determinado tema para ser provado é a sua própria posição no mundo espiritual, ou seja, aquilo que lhe falta conquistar espiritualmente falando.

Espiritualismo ecumênico universal

Denn Pires

O que é o espírito?

Por Denn Pires há 1 dia

O que é o espírito?

O espírito é a parte de nós que pode reconhecer e ter comunhão com Deus. O espírito é também o que nos dá vida. O espírito interage com forças espirituais. Todas as pessoas têm espírito.

O espírito é a força que dá vida. Em hebraico a palavra para espírito também significa vento ou sopro. Quando Deus soprou vida no homem, significa que lhe deu um espírito. A partir daí o homem se tornou uma criatura viva.

O espírito vem de Deus e nos permite ter contato com Deus. Deus é espírito e só podemos nos unir a Deus através do espírito. Isso acontece quando nosso espírito se une ao Espírito Santo de Deus. Todos que aceitam Jesus como salvador estão unidos ao Espírito Santo.

O espírito morre?

Não, o espírito não morre. Quando morremos, o espírito volta a Deus, que é a fonte de toda vida (Eclesiastes 12:6-7).

Por causa do pecado, nosso espírito fica separado de Deus. Isso se chama de morte espiritual, porque estamos separados da fonte da vida. Quem está morto espiritualmente não entende as coisas de Deus porque não está ligado a Deus. Mas quando aceitamos Jesus como salvador, nosso espírito é ressuscitado (1 Coríntios 2:14-16).

Existem outros tipos de espíritos?

Sim, a Bíblia diz que existem outros tipos de espíritos, que não têm corpo físico. Esses espíritos são anjos e demônios. Os anjos são espíritos sujeitos a Deus, que fazem Sua vontade. Os demônios são espíritos em rebelião contra Deus, que trabalham para o diabo.

Alguns anjos na Bíblia tomaram a aparência de homens mas não ganharam corpos físicos como nós. Os demônios também não podem tomar forma física. Esses espíritos também podem influenciar nosso espírito: os anjos para nos ajudar e os demônios para nos machucar, escraviza,etc .

O que é o corpo espiritual?

O corpo espiritual é o novo corpo que as pessoas receberão na ressurreição .Esse será um corpo imortal, que não vai ficar velho nem se decompor. O novo corpo é espiritual porque não limitará mais nosso espírito às regras do mundo caído.

Nosso corpo atual está em conflito com nosso espírito, porque o corpo está sujeito ao mundo mas o espírito está sujeito a Deus .O corpo espiritual estará em harmonia com o espírito, em obediência a Deus.

Amem!!!

Denn Pires

Quais são os frutos do Espírito?

Por Denn Pires há 1 dia

Quais são os frutos do Espírito?

De acordo com Gálatas 5:22-23, o fruto do Espírito é amor, alegria, paz, paciência, amabilidade, bondade, fidelidade, mansidão e domínio próprio. Esses são os resultados de uma vida guiada pelo Espírito Santo.

A lista em Gálatas é um resumo dos resultados principais de uma vida com Cristo:

Amor – Deus é amor e quem está com Deus tem amor (1 João 4:16); esse amor é fruto do amor de Deus e se expressa na forma como tratamos as outras pessoas – veja aqui mais sobre o amor na Bíblia

Alegria – em Jesus temos verdadeira alegria porque temos esperança e sabemos que somos salvos; com Deus a tristeza é apenas uma fase, a alegria volta sempre (Salmos 30:5)

Paz – o amor de Deus acaba com o medo e a ansiedade; a paz de Deus não depende das circunstâncias

Paciência – sabemos que Deus tem um plano bom para nós em tudo (Romanos 8:28); podemos esperar com paciência, confiando que Ele vai agir

Amabilidade – a forma como tratamos as pessoas muda, porque vemos os valor que elas têm para Deus

Bondade – assim como Deus é bondoso conosco, nós podemos ser bondosos com outras pessoas, mostrando graça - descubra aqui o que é graça

Fidelidade – A pessoa cumpre sua palavra e se esforça para ser uma pessoa de confiança

Mansidão – com a ajuda de Deus, podemos evitar o ódio e a violência - veja aqui o que é mansidão?

Domínio próprio – Deus nos ajuda a ter controle sobre nossas vidas e o que fazemos; não somos mais escravos do pecado (Romanos 12:2)

Amem!!!